Arquivo do blog

quarta-feira, 17 de novembro de 2010


Apaixonada


Apaixonada.
Completamente apaixonada.

Intensamente apaixonada.
Eternamente apaixonada.

A moça que gosta de palavras
se pergunta:

Por que será que paixão
combina tanto
com tal terminação?

Céticos levantarão sobrancelhas:
Mente?

Poetas entenderão.

Apaixonada,
completa a mente,
intensa a mente,
eterna a mente.

E a moça que gosta de palavras
só sabe
que lia um Drummond,
nesta manhã,
quando se apaixonou

completamente


(Flávia Côrtes - Novembro de 2010)

www.poetaflaviacortes.com.br


Textos devidamente registrados na Biblioteca Nacional e protegidos quanto aos seus direitos autorais.
======================================================
Poesia Falada: Confira tudo sobre o CD no link Verso em Voz
Maiores informações: contato@poetaflaviacortes.com.br
======================================================




2 comentários:

André disse...

Ô moça, mas que maravilha aparecer aqui no início da manhã e já me deparar com uma tal manifestação poética! a paixão está no ar!!! a moça que gosta de palavras constrói belas imagens e dirige o olhar do leitor para o inesperado. Sempre. A marca das grandes. Apaixonar-se em lia ou por Drummond? that's the question. Que texto mais lindo, Flavinha, saboroso e que só pode deixar seus leitores como você: apaixonados! Parabéns, querida! um beijo de bom dia prá vc. André

Adilson disse...

sempre lindos seus escritos...
bjos